Recife (81) 3194-2000 / Salvador (71) 3015-1202 / Suporte (81) 3194-2020 | Horário comercial (81) 3194-2029 | Plantão

Blog

Pentest: Qual o período adequado para realizar o teste de intrusão?

Conforme a internet se torna cada vez mais popular e acessível, ganhando milhares de usuários por todo o mundo, problemas relacionados à segurança da informação surgem frequentemente. Pensando nisso, foi criado o Pentest, que tem como objetivo central prevenir ataques cibernéticos.  

Venha saber mais sobre esse teste de intrusão e descubra qual o melhor período para realizá-lo. Boa leitura! 

O que é Pentest?         

Pentest – ou teste de intrusão – permite avaliar a segurança dos ativos de uma empresa, incluindo dispositivos, redes, aplicativos, dentre outros. Por meio de avaliações, um profissional especializado busca vulnerabilidades no sistema e as explora, simulando invasões de criminosos. 

Esse teste consegue identificar o nível de proteção de defesa da empresa, de forma a detectar onde estão as fraquezas que podem abrir portas para os invasores e, com isso, corrigi-las antes que sejam descobertas.  

Os ataques cibernéticos podem resultar em roubo de informações sensíveis, além de afetar a disponibilidade, autenticidade, integridade e confidencialidade dos dados. Companhias despreparadas são os principais alvos dos hackers.  

O Pentest é essencial para qualquer empresa que se preocupa com a proteção dos seus dados. Com esse teste, é possível ter uma visão global do cenário de segurança, saber como a organização se sairia diante de uma invasão e, o mais importante, melhorar sua postura de cibersegurança.  

Período ideal para realizar o Pentest 

O Pentest deve ser realizado com frequência, respeitando intervalos programados pelo profissional. Isso porque, o ambiente digital corporativo passa, constantemente, por grandes transformações: seja devido às ferramentas que surgem para combater ameaças, à evolução dos ataques ou até mesmo pelas vulnerabilidades que aparecem e são exploradas com rapidez pelos hackers.  

A frequência do teste ajuda no bom funcionamento do sistema corporativo, contribui no combate a brechas e acompanha as mudanças no cenário da segurança da Informação. Normalmente, é feito anualmente ou quando ocorre alguma alteração que exija a execução de um novo teste, como: 

  • Implementação de uma nova rede 
  • Instalação de um software 
  • Atualização do sistema 
  • Mudanças nas políticas de usuário final 

Como é feito o Pentest 

Para colocar em prática o Pentest em sua organização, será necessário contratar uma empresa especializada, que terá a responsabilidade de identificar os pontos a serem melhorados.  

Veja o passo a passo da realização do teste: 

  • Planejamento: na primeira etapa, organização e pentester (profissional que realizará o teste) irão decidir o que será testado, qual o objetivo do teste e que modalidade deve ser usada. Ao final, ambos devem assinar um contrato de sigilo. 

  • Coleta de informações: é feito um levantamento completo sobre a empresa “alvo”. Essas informações servem como ponto de partida para conhecer o cenário em que ela está envolvida.  

  • Varredura: momento em que é realizado um verdadeiro pente-fino virtual. O ambiente virtual passa por uma varredura minuciosa, com objetivo de descobrir o que está presente e poderia ser encontrado pelos hackers, mapeando as ameaças.  

  • Obtenção de acesso: chegou o grande momento de simular os ataques cibernéticos. Portanto, técnicas de invasões – como, por exemplo, brute force e exploit – são aplicadas, para detectar brechas e explorá-las. Dessa maneira, é possível ter uma visão global de quais dados poderiam ser acessados. 

  • Pós-exploração: consiste em examinar se as vulnerabilidades encontradas garantem acesso a longo prazo ao criminoso. Novos ataques serão feitos, dessa vez ainda mais avançados.  

  • Análise: é gerado um relatório contendo todas as informações coletadas no teste: brechas que foram exploradas, dados acessados, tempo em que o profissional permaneceu no sistema sem ser descoberto, dentre outros insights importantes. 

Como você pode ver, não há desculpas para deixar mais sua empresa exposta a riscos. Invista em Pentest, identifique vulnerabilidades e atue contra elas.  

Você pode obter esse serviço no portfólio da QOS. Por meio da nossa consultoria especializada, será possível tomar decisões mais assertivas e rentáveis para proteger seus dados confidenciais. Escolha a empresa que está há 19 anos colaborando para um mundo mais seguro. 

Converse com um consultor e solicite uma proposta hoje mesmo.  

Compartilhe:

Posts Relacionados

Mitos e verdades sobre a LGPD

Após quase um ano da vigência plena da Lei Geral de Proteção dos Dados, muitas controvérsias acerca do assunto ainda geram dúvidas nas empresas. Conhecer

Social Media

Mais Populares

Fique atualizado

Assine Nossa Newsletter

Sem spam, notificações apenas sobre novos produtos, atualizações.